Jornalista brasileira na Nova Zelândia faz blog sobre mercado de trabalho no exterior para ajudar expatriados

Se você nunca saiu do Brasil deve imaginar o quanto deve ser difícil lidar com a saudade da nossa terrinha e, principalmente, recomeçar uma carreira profissional. Se você já morou no exterior, tem certeza disso. Exige esforço para se adaptar e encontrar um trabalho. E a Manu percebeu que poderia ajudar essas pessoas lá longe, na Nova Zelândia.

Emanuella Camargo, 29 anos, é uma jornalista brasileira que vive na Nova Zelândia há sete meses. Uma virginiana detalhista que montou um blog com informações fundamentais para quem vai viajar/morar do outro lado do mundo. É o Além do Mar. Espie.

Manu, como gosto de chamar, nasceu e morou em Valparaíso II, cidade na divisa de Goiás e do Distrito Federal. Quando começou no curso de Comunicação, pensava em se tornar fotógrafa de cinema, mas se apaixonou por ouvir e contar histórias reais. A fotografia, então, virou hobby e o Jornalismo tomou lugar no coração.

Depois de acumular experiência entre assessorais de imprensa, jornal impresso, revistas, Manu procura um modelo de trabalho que ofereça uma mescla das várias vertentes da Comunicação (Jornalismo, Marketing, Publicidade). “Acredito que, juntas, podem contribuir mais com a profissão de jornalista. Há espaço para novos modelos.” A partir disso, despertou uma vontade em fazer algo novo.

Rumo à Nova Zelândia

Ela tentou fazer outros blogs que serviam como diário online, mas com o Além do Mar tem sido diferente porque tem um propósito claro. A ideia surgiu da necessidade pessoal de entender o estilo de vida e o mercado de trabalho na Nova Zelândia, desde quando passou a viver lá. Isso resultou em um página on-line para compartilhar essas informações.

Durante um intercâmbio no Canadá em 2012, Manu conheceu um neozelandês e teve romance no ar. <3. Depois de idas e vindas em aeroportos e cidades brasileiras, ela comprou uma passagem só de ida para a terra dos Hobbits.

“Foi um pontapé da vida para sair da zona de conforto que eu me vi procurando emprego em outro país. Percebi que muitas dúvidas também eram comuns entre grupos de brasileiros. Como eu tinha participado do REALIZE, os aprendizados e o contato virtual com o grupo ia plantando ideias e, por fim, decidi criar o Alem do Mar.”

Os desafios da aventura

Os maiores desafios da Manu é aprender a planejar, entender que não precisa estar perfeito e enfrentar os medos durante o processo de criação. Todos os dias. O incentivo para manter viva a chama da persistência é perceber que o projeto está alinhado com um propósito e os feedbacks que recebe dos leitores.

nova zelândia: manu camargo

O blog começou há quatro meses, mas já tem colaboradores. Cada pessoa que escreve para o Além do Mar tem uma mini biografia e isso ajuda a divulgar o trabalho em outras plataformas. A ideia é que a iniciativa ganhe outros formatos e seja uma referência em mercado de trabalho na Nova Zelândia e em outros países. E quem sabe tenha a parceria de empresas neozelandesas ou órgãos do governo, né?!

“É um projeto tímido que testa meus limites e inseguranças. Exige dedicação e planejamento. Não me traz retorno financeiro, mas me permite testar um modelo profissional diferente e que pode contribuir com alguém.” 

Dê um empurrão

Para ajudar a alavancar o Além do Mar, você pode indicar a página para amigos viajantes ou que planejam conhecer a Nova Zelândia. Que tal?! Também é possível contribuir como um colaborador/escritor frequente ou ainda com um guest post dentro da linha editorial do blog.

Para quem se inspirou na ideia da Manu e também quer colocar um projeto no ar, a dica é planejamento, mas ela recomenda escutar o coração. Ter uma visão do que quer e consultar o sentido dessa ideia, sabe?! E, por último, vai o conselho que poucas pessoas falam: “se você quer tirar um projeto da gaveta, mas está com um monte de outros problemas para resolver na vida, respira, se organize e entenda que talvez o seu momento precisa amadurecer”. Pam!

E nem sempre precisa ser um projeto digital, como blog, site ou canal de vídeos, viu?! Pequenas iniciativas no seu bairro podem fazer uma baita diferença na sua motivação profissional. Como você pode usar suas habilidades de comunicador para melhorar sua realidade? Vá além.

———–

Se precisar de ajuda, conte com o Programa de Protagonismo Digital para Jornalistas – REALIZE.  😉 Inscreva-se para ser avisado.